O Nosso T2, por Tânia Ribas de Oliveira

Pelos Olhos do Tomás

A colar autocolantes, reparo que há um bocado torto mas não comento.
– que bem que colaste os teus autocolantes Tomás!– obrigado, mãe. Colei bem todos menos este que colei mal de propósito.
– colaste mal de propósito porquê?…
– olha, porque não consegui colá-lo bem e não ía ficar triste por causa disso, percebes?

(A relativizar pequenos problemas desde cedo. That’s my boy! ❤)